Em Destaques, Sem papas na língua

Um dos dados mais reveladores desta última pesquisa eleitoral do Data-Folha foi aquele que mostra que nenhum dos dois candidatos, Aécio Neves e Eduardo Campos, se beneficiou da queda de seis pontos da Presidente Dilma Rousseff. A população parece dizer com isso: “Estamos decepcionados com os escândalos da Petrobras, mas preferimos votar em branco ou anular do que votar nesses dois espantadores de urubus”.

Aparentemente impressionado com a apatia do povo em relação à própria candidatura, Aécio procurou encontrar uma solução. Não é tão burro assim que não tenha percebido que grande parte do sucesso da candidatura de sua competidora Dilma Rousseff se deve ao decisivo apoio de seu Padrinho, o ex-presidente Lula. E deve ter conjeturado lá com seus botões: “Preciso de um Padrinho para decolar”. Mas quem? “O Serra vai me trair cedo ou tarde. Ninguém foge à própria natureza. Aliás, já tem o tal dossiê. É, só resta aquele de idade provecta. Além do mais, temos muitas ideias em comum”.

De fato, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso acaba de confirmar sua militância na luta pela legalização da maconha. É verdade que maconha não é cocaína, mas é um primeiro passo. Libera-se primeiro a maconha, depois a cocaína e então o crack.

Porém esse indiscreto Datafolha acaba de revelar que apenas 16% do eleitorado votaria em quem FHC indicar e esses 16% só podem ser aqueles mesmos que já escolheram o Aécio. E a rejeição ao valetudinário é enorme.

Seria desespero? Falta de imaginação? Poderia tentar o Pedro Simon. E por que não o Governador do Estado de São Paulo? Não, ele é Opus Dei, e nunca vai lutar pela liberação da maconha. É um homem de princípios. A Marina já está comprometida e não consegue transferir seus votos nem mesmo para seu companheiro de chapa, o ex-governador Eduardo Campos.

A escolha de um padrinho não pode então ser outra, não há ninguém, ou melhor, nenhum político no cenário nacional senão Fernando Henrique para fazer este papel. “Tant pis”.

Créditos de imagem: ajusticeiradeesquerda.blogspot.com

Facebooktwittergoogle_plus