Em Destaques, Sem papas na língua

Acaba de ser engendrada uma grande, uma virulenta trapaça urdida contra a população brasileira. As consequências funestas atingirão múltiplos estamentos da sociedade nacional. Haverá sacrifícios para a saúde e educação. O povo brasileiro será condenado ao subdesenvolvimento econômico, social e cultural. E isto tudo está acontecendo neste momento, nesta mesma hora. E esta iniciativa não é da CIA, nem do KGB, nem de nenhuma outra organização criminosa secreta, mas do Congresso Nacional! E pior ainda, as razões ocultas para essa carnificina são as mais torpes possíveis. Vocês não acreditam? Pois bem, venham comigo.

Vocês certamente já ouviram falar de uma segunda repatriação de recursos financeiros cujos tributos renderiam ao governo entre 12 e 15 bilhões de reais. Sabe-se ainda que estas repatriações incluem bens pertencentes a parentes e outros laranjas de congressistas. Ora, esses recursos certamente oriundos de propinas não foram incluídos na primeira repatriação por causa da provável repulsa da opinião pública. Eis que para derrotar a hesitação do Executivo os congressistas engendraram um esquema maquiavélico que alem de promover a repatriação e lavagem dos produtos de suas canalhices assegura-lhes recursos para suas emendas, ou seja, para suas negociatas eleiçoeiras. Mas como será possível essa mágica artimanha?

Explico: o Ministério de Planejamento elabora a proposta de Orçamento em colaboração com a Fazenda. Alíquotas denominadas 100 são aquelas cujos recursos são assegurados pelo Tesouro. Recursos financeiros para Educação, Saúde e Ciência e Tecnologia foram incluídas nessa alíquota no orçamento nacional de 2017 por serem essenciais à sociedade. Pois não é que o Congresso Nacional transferiu estes recursos da alíquota 100 para uma nova alíquota 900 que se refere a eventuais novas arrecadações e colocaram como recursos assegurados por alíquota 100 as emendas pessoais dos congressistas.

Com isso, se o governo quiser salvar ações importantes nas áreas de educação, saúde, ciência e tecnologia terá que ceder quanto a repatriação e lavagem de dinheiro sujo da corrupção dos congressistas. Pois bem, essa mágica constitui não apenas uma espoliação de recursos da educação, saúde e tecnologia, mas também de uma obscena extorsão, ou melhor, uma chantagem contra a sociedade brasileira.

Facebooktwittergoogle_plus
Rogério Cerqueira Leite
Físico, professor emérito da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
Showing 20 comments
  • Maria Angela Vasconcelos de Almeida
    Responder

    Não entendi muito bem como essa mágica acontece. Vamos por parte: as alíquotas denominadas 100 são recursos do Tesouro Nacional, na medida em que se transformam nas alíquotas 900 é necessário que existam eventuais arrecadações. Caso não tenhamos recursos na alíquota 900 consequentemente não haverá recursos para educação, saúde, tecnologia, ou seja, para funções obrigatórias do Governo Federal. Nesse caso, só restam as alíquotas denominada 100 cujos recursos estão em contas nos paraísos fiscais. Assim, o Governo tem de repatriar os recursos do exterior sem precisar investigar como foram obtidos. Podem ser recursos lícitos ou ilícitos, neste último caso podem ser de propinas, drogas, ou seja, da costumeira ilegalidade, tornando todos os brasileiros responsáveis pela lavagem do dinheiro dos senhores congressistas. É isso? Agora entendi!!!!!

    • Mario Santos
      Responder

      Mas … se o Governo repatriar, então serão SEUS recursos e não mais de quem os tinha. Ou seja, o Governo passa a poder utilizar recursos desapropriados. Ou seja, o Governo vai lavar recursos ilícitos e ficar com eles, para uso no país em prol de todos os brasileiros. Funciona da mesma forma como quando a Receita apreende bens de contrabando, ou como quando a Justiça toma bens ilegais e os repassa ao Governo que fica com eles. Será isso ou perdi alguma coisa?

  • Maria Elena Covezzi do Val
    Responder

    Jesus Maria José Não são humanos
    Eu pensando que era uma corja….muito pior

  • Luiz Cunha
    Responder

    “Tem que tirar a Dilma, fazer um acordão, incluindo o judiciário. Tem que colocar o Temer pra estancar a porra dessa sangria. ”
    Lembram do diálogo travado entre Romero Jucá e Sérgio Machado ? Lembram ou não? Está gravado, passou em Rede Nacional de rádio e televisão, e eu tenho uma cópia dessa gravação. Estão lembrados ou não?
    Agora eu pergunto e vou aguardar a resposta : ” onde diabos se mataram aqueles que bateram panelas ? Pq não as batem agora ? Emudeceram por medo ou vergonha ? Ou será que depois da ” CAGADA ” que fizeram estão agora a bater penicos e urinóis?

  • exiled
    Responder

    entao a naçao brasileira é refém das facçoes do congresso…entao teremos que esperar até 2018 para uma suposta troca de parlamantares que sejam mais “limpos”… será que o brasil aguenta até lá?

    • Adailton Bezerra
      Responder

      São alienados sem consciência do que se passa ao redor. Só olham pro próprio umbigo.

  • Sebastião Guimarães
    Responder

    Informe preciso e chocante!
    Só espero a ação enérgica de uma luta do povo para reverter esta e outras infâncias iguais que estão sendo perpetradas contra o país e o povo.

  • Inês Fernandes
    Responder

    O que mais falta fazer contra o povo. Estamos a mercê de uma quadrilha de ladrões de grande poder e contra essa quadrilha nada de pode fazer pois estão roubando dentro da “legalidade”.

    • Zenio Silva
      Responder

      Por ter votado no PT, acusavam-me de votar em ‘ladrões’, de eleger uma ‘quadrilha’! Em minha defesa dizia: ‘ já que é para escolher uma quadrilha, escolho uma que é investigada, processada, julgada e que, sendo condenada, vai para a cadeia; agora, quem vota em inimputáveis é conivente com a corrupção’. O que temos hj no país?! Uma quadrilha no governo onde até advogado de organização criminosa tem cargo de ministro…

  • Maria Inês dos Santos Vergueiro
    Responder

    E o que é que a gente faz com um absurdo desses? Como a gente chegou a um congresso tão sem nível e sem vergonha como esse?!?!

    • Zenio Silva
      Responder

      Chegamos pelo voto minha cara, pelo voto!!!

  • Francisco A.C, Nepomuceno
    Responder

    Com essa canalha não se espera outra coisa,o que é ruim vai ficar pior!
    Temos que lutar pelo voto distrital
    que pode melhorar a representação
    no atual covil nacional.

    • Sebastião
      Responder

      Sr. Nepomuceno, voto distrital????hahaha…aí que a gente se ferra de vez!!!

  • paula marta g. soares
    Responder

    Já que o Senhor e Professor da Universidade, advirta seus alunos e o corpo docente, para se levantarem contra essas barbáries que estão fazendo com nosso Pais.
    Meu marido deu uma sugestão:
    Greve geral, ninguém sai pra rua, com excessão dos hospitais, enquanto todos corruptos não renunciarem e forem presos

  • Marcos Maurílio de Oliveira
    Responder

    Dizem alguns que essa estrela, que adentrou no nosso sistema solar, ocasionará o FINAL DOS TEMPOS, mas, no caso do nosso PAÍS, já o estamos vivenciando, pois o que mais falta para que isso se torne uma terrível realidade?! Acho que nada mais falte, diante de tanta bandalheira, que vimos presenciando ultimamente e os culpados estão todos por aí, livres, leves e soltos, desfrutando de suas rapinagens, embora acusados de toda sorte de crimes contra o PATRIMÔNIO PÚBLICO e sob os olhares complacentes dos membros do nosso SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, que desde o primeiro momento se aliou ao sorrateiro GOLPE DE ESTADO desferido contra a nossa impoluta e honestíssima Presidenta DILMA, o que convenhamos é próprio FIM DO MUNDO, pois quem deveria cuidar de proteger a nossa CONSTITUIÇÃO a rasga com a maior desfaçatez, sob os nossos olhares ao mesmo tempo atônitos e incrédulos!

  • Sofia Lopes
    Responder

    Estarrecedor!
    Vamos ficar refém de um congresso criminoso?

  • Indignado
    Responder

    Até quando o sangue de barata desse povo ignorante, pusilânime, condescendente, resignado, acomodado, bestificado, idiotificado, imbecilizado, vermiforme, bacteriforme, pulha, coxiforme, estúpido, beócio, néscio, como dizia, até onde o seu sangue de barata vai se manter frio? Se fosse outro povo já teria cercado o Prostíbulo Nacional e tocado fogo nele com essa corja maldita dentro e, para não cometer injustiça, alertados a minoria de honestos que ainda resistem a esta tragédia colossal que vivemos.
    FOGO JÁ!

  • Indignado
    Responder

    E.T. E aí, ainda vão dizer que isto é culpa da Dilma ou do PT?

  • selvita resende
    Responder

    Nosssssssaaaaa, a indignação não é proporcional à informação, é muito mais fruto de uma doutrinação esquerdista, do que propriamente da assimilação do conteúdo confuso e inflamado, aí relatado. Isenta-se de culpa o cidadão como ente formador da pátria e minimiza a sua omissão de eleitor ignorante, pregando uma culpa canalizada aos que se dizem partidos de direita, mas nem com toda a verborragia do mundo, este senhor criticando o que ocorre na republica hoje, vai trazer melhoras à economia. Ao contrário, ao incitar a ira do povo, uns contra outros cidadãos, acende como um dragão a furia da ignorancia e arremete para longe a chance de voltarmos ao equilíbrio e cada um descobrir que o próprio trabalho é que vai salvar a pátria, quando somado ao de tantos outros milhoes e garantir riquezas, que nos alimentem, nos vistam, nos transportem, nos eduquem e nos promovam saúde. Essa retórica de comuna inflamado, nada resolve, e ainda piora. Será que sua intenção é mesmo ser um professor que teria a função sublime de levar os estudantes à luz do saber, para que usem seus próprios neuronios?

    • José Antonio Meira da Rocha
      Responder

      Cara selvita:
      1) Os partidos de direita é que promoveram o golpe contra 54,5 milhões de votos. Juntamente com setores do Judiciário, MP e PF.
      2) Para isto, não tiveram pudor em enfiar o país na pior crise de sua história.
      3) As pessoas querem trabalhar e gerar riquezas, mas os golpistas neolberais acham que bastante desemprego é o que faz a inflação descer.
      4) Comuna? É coisa de comunista não aceitar que os bandidos golpistas no Congresso atual façam mais estragos ao país? Então, sou comunista, também.

Comentar