Em Açoite, Destaques

A cédula de votação da Holanda nesta última eleição tinha 1.60 m. por 1.20 m. Os pragmáticos holandeses simplificaram o escrutínio, o candidato moderado bateu o fascista por dezesseis toneladas e meia de papel.

Facebooktwittergoogle_plus
Rogério Cerqueira Leite
Físico, professor emérito da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)

Comentar